Estudantes do curso técnico em Agroecologia visitam propriedade familiar em Palmeira-PR

No último dia 20 de abril, um grupo de estudantes do curso técnico em Agroecologia do Instituto Federal do Paraná, unidade Campo Largo, visitou a propriedade da família Gross, na comunidade Pinheiral de Baixo, no município de Palmeira-PR.

Os alunos puderam conhecer na prática inúmeras experiências agroecológicas e o que mais os impressionou foi se deparar com a capacidade da família de produzir alimentos saudáveis, sem o uso de agrotóxicos, adubos químicos ou sementes comerciais. “Se a gente não pensar em produzir alimentos como o feijão, o arroz, o milho, as verduras e outras, quem irá produzir os alimentes para colocar na mesa das famílias”, explicava seu Adão Gross para os atentos estudantes.

A família Gross é conhecida na região por ser guardiã das sementes crioulas e todos os anos, selecionam, multiplicam e conservam as sementes que um dia foram selecionadas por seus antepassados. Um foco de atenção e de interesse do grupo foi justamente conhecer o campo de multiplicação de sementes de milho da variedade Maia. No campo, seu Adão ensinou as técnicas que adota para o resgate, avaliação de desempenho de cada variedade, a multiplicação, conservação e o armazenamento das sementes crioulas. Seu Adão Gross é membro do grupo de agricultores que multiplicam sementes crioulas para venda para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA/Conab) para doação simultânea, que nos últimos anos além de gerar renda para as famílias envolvidas, vem permitindo que um universo maior de famílias agricultoras possam resgatar suas sementes e sua autonomia.

 

 

 

 

 

 

Isto foi postado em Notícias dentro de com os temas e as tags
Imprimir Este ArtigoFaça um comentárioCompartilhe no Facebook

Um comentário

  1. Roseli T Costa
    Postado 27 de agosto de 2013 às 19:52 | Permalink

    Estou terminando o curso em agroecologia,pela UFPR LITORAL,estou muito feliz por ter escolhido esse curso, pois sou filha de agricultores familiar,mais desde que me casei vim para cidade,mais sempre com sonho, de retornar para o Sitio, e aplicar tudo oque aprendi, no sitio, e trabalhar em pról da comunidade,pois sei que tenho muito a contribuir,gostaria de assinar a revista,mais acho muito caro pro meu bolso,mais curto muito essa revista.

Postar um comentário

Seu email nunca vai ser compartilhado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login with Facebook

*
*

Você pode usar estas tags HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *