Sementes crioulas: construindo nossa autonomia

oficina de mulheresNo dia em que se comemora a Independência do Brasil, mais de 2500 pessoas se encontraram no Parque da Pedreira, em Rio Azul-PR na 12a Feira Regional de Sementes e da Agrobiodiversidade que teve como lema esse ano: Sementes crioulas: construindo nossa autonomia.

As caravanas chegaram de todos os cantos do Centro-sul do Paraná e do norte de Santa Catarina, além dos convidados de outras regiões e estados do Brasil. Entre os presentes estavam agricultores e agricultoras familiares, professores, estudantes, lideranças sindicais, gestores públicos, entidades governamentais e não governamentais, universidades estaduais e federal.

As caravanas foram acolhidas pelos jovens estudantes, que ajudam os participantes se inscreverem e se dirigirem à mesa do Café da Partilha, cuidadosamente preparada com alimentos agroecológicos e as delícias produzidas pelo grupo de Mulheres da Comunidade da Invernada de Rio Azul e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município.

Na parte da manhã, os participantes se dividiram em três atividades paralelas: a Oficina de Sementes Crioulas construídas a partir do relato dos Guardiões das Sementes; o Encontro Municipal de Mulheres promovido a partir da troca de experiência entre grupos e o Encontro Estadual da Juventude Rural com o tema Juventude e Sucessão na Agricultura Familiar. As atividades da manhã se encerraram com o almoço também produzido com alimentos agroecológicos, fruto do trabalho das famílias agricultoras da região. Destaque especial ao prato principal Quirera de milho crioulo com carne de porco crioulo, acompanhado com várias saladas de verduras, além de suco natural de uva e cerveja caseira.

DSC03836Na parte da tarde o evento foi aberto ao público geral e ganhou uma abertura oficial com a participação das autoridades presentes. Nesse momento, a agricultora Eliane Mendes, da comunidade de Volta Grande do município de Palmeira, leu a Declaração Política da 12ª Feira Regional de Sementes e da Biodiversidade.

“Ao realizar a 12ª Feira Regional das Sementes Crioulas e da Agrobiodiversidade reafirmamos nosso compromisso e nossa disposição para continuar na luta pela defesa e fortalecimento da agricultura familiar, com base nos princípios da agroecologia. Temos exercitado esse caminho nas propriedades e comunidades e temos reconhecido nele a boa alternativa para um futuro de equilíbrio socioambiental e de prosperidade para nossas famílias, adultos e jovens. Temos certeza de que esse é também o caminho para assegurar a satisfação das demandas e necessidades da população por um alimento saudável em nossas mesas”, leu Eliane na Declaração Política, sendo aclamada pelo público presente.

Após a benção das sementes realizada pelo Pastor Daniel Friesen de Witmarsum, também de Palmeira deu-se início a grande Feira de troca das sementes crioulas. A feira contou com 50 bancas de expositores centenas de espécies de sementes crioulas.

DSC03851A realização da 12ª Feira Regional das Sementes crioulas e da agrobiodiversidade teve a colaboração de várias organizações e instituições da região, tais como: AS-PTA Agricultura Familiar e Agroecologia, UEPG/LAMA, Universidade Estadual de Ponta Grossa – Laboratório de Mecanização Agrícola, Cooperativa de Trabalho E Extensão Rural Terra Viva – COOPTRASC, Prefeitura do Rio Azul por meio da Secretaria de Agricultura, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Rio Azul e a organização do Grupo Coletivo Triunfo, que não mediu esforços para realizar grandiosa Feira de Sementes e da Agrobiodiversidade.

 

 

 

 

Leia a Declaração Política de Rio Azul

Assista ao vídeo:

Isto foi postado em Notícias dentro de com os temas e as tags
Faça um comentárioCompartilhe no Facebook

Postar um comentário

Seu email nunca vai ser compartilhado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Login with Facebook

*
*