Sementes da Paixão: Catálogo das sementes crioulas da Borborema

Catalogo de Sementes

Sementes da Paixão: Catálogo das sementes crioulas da Borborema

Ao longo da história, homens e mulheres do semiárido observaram, experimentaram e selecionaram um mosaico de sementes adaptadas às características da região. Essas sementes são plantadas de acordo com o regime das chuvas e sua resposta às especificidades do clima. No caso do milho, por exemplo, há quem prefira o que cresce mais rápido, ou o que produza mais palha que serve de forragem. Mas a seleção também pode levar em conta a tradição e o paladar regionais. Sendo assim, as famílias podem escolher sementes que oferecem a melhor pamonha, o rubacão mais gostoso ou aquele arrumadinho típico que dá água na boca.

Na Paraíba, as sementes locais são chamadas de sementes da paixão. E é para preservar essa paixão que milhares de famílias na Borborema – e também em todo o estado – vêm criando e mantendo bancos de sementes familiares. Nesses bancos, toda a riqueza está armazenada em silos, garrafas pets ou em latões, sob a bênção dos santos prediletos. As sementes da paixão são símbolos da vida em abundância, heranças deixadas pelos antepassados, cuidadas na atualidade para que as futuras gerações continuem tendo acesso a esse importante bem.

Ao semear as sementes da paixão, as famílias agricultoras plantam também sua história, partilham seus conhecimentos e suas observações. Esse zelo pelas sementes da paixão afirma a importância desse patrimônio genético e cultural para a garantia da soberania e segurança alimentar.

Na Borborema, as famílias agricultoras se organizam também em bancos de sementes comunitários, trabalho coordenado pela Comissão de Sementes do Polo da Borborema, desde 1995, e reforçado pela Comissão de Juventude, desde 2015, como forma de preservar as sementes e garantir a autonomia no momento do plantio. No território, são mais de 60 bancos de sementes que envolvem mais de 1.900 famílias. Em 2015, ao ser realizado um monitoramento dos bancos, foram identificadas 16 espécies e 45 variedades diferentes estocadas.

No estado da Paraíba, a quantidade de bancos também é bastante significativa. Animados pela Rede de Sementes da Articulação do Semiárido da Paraíba (ASA Paraíba), os 240 bancos de sementes comunitários do estado envolvem mais de oito mil famílias, em 63 municípios. A força desse trabalho foi capaz de, em 2002, aprovar uma lei estadual (Lei n. 7.297/2002) que criou o Programa Estadual de Bancos de Sementes Comunitários, autorizando o governo da Paraíba a adquirir sementes de variedades locais para o fortalecimento e a ampliação dos bancos em todo o estado.

Este catálogo busca dar visibilidade a essas iniciativas das famílias e comunidades, apresentando as principais características das mais importantes sementes encontradas nos Bancos de Sementes Comunitários da Borborema. Pretende, assim, facilitar a troca de informações entre guardiões e guardiãs, além de ser um instrumento de afirmação das sementes da paixão.


 

Isto foi postado em Cartilhas dentro de com os temas e as tags ,
Imprimir Este ArtigoFaça um comentárioCompartilhe no Facebook

Postar um comentário

Seu email nunca vai ser compartilhado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login with Facebook

*
*

Você pode usar estas tags HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *