Arquivos da tag: polo-da-borborema

Um movimento agroecológico: 20 anos de parceria entre Polo da Borborema e AS-PTA

Um movimento agroecológico   20 anos se passaram Força para os 10 mil anos Duas datas que casaram Sabres, vidas e planos A agricultura camponesa Bota alimento na mesa Enfrentando as mudanças Nos oferecem veneno Querem nos tornar pequeno Heranças, doces heranças Heranças de nossos pais A semente da paixão E conto aqui bem mais […]

Postado em História | dentro de e com as tags , 1 Comentário

Jovens do Polo da Borborema se reúnem para planejar ações para o segundo semestre de 2013

Um grupo de cerca de 20 jovens lideranças da coordenação ampliada da Comissão de Jovens do Polo da Borborema, na Paraíba, se reuniu nesta terça-feira, 02 de julho, para planejar as atividades da juventude camponesa para o segundo semestre de 2013, entre elas, as do projeto “Sementes do Saber”, que está sendo realizado pela AS-PTA […]

Postado em Notícias | dentro de com os temas e as tags , Comentar

Carta política da IV Marcha pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia

No ano em que a Marcha pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia chega à sua quarta edição, publicamos uma carta política que reflete o acúmulo do trabalho desenvolvido e as reivindicações das mulheres do Polo da Borborema, uma articulação de sindicatos e organizações da agricultura familiar de 15 municípios do Agreste da Borborema (PB). […]

Postado em Documentos | dentro de com os temas e as tags , , 1 Comentário

Moradores do campo e da cidade se mobilizam pelo fim da violência em Massaranduba-PB

No dia 19 de abril, agricultoras e agricultores, professores e estudantes, moradores de Massaranduba-PB caminharam pelas ruas da cidade pelo fim da violência. Com cartazes na mão e a cara pintada, a população do campo e da cidade mostrou-se unida em busca da paz. A passeata teve seu ponto final no Salão Paroquial onde aconteceu uma Audiência Pública para debater o tema.

Postado em Notícias | dentro de e com as tags , Comentar

Vídeo: IV Marcha pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia

A IV Marcha pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia trouxe para as ruas do município de Solânea-PB, no dia 08 de março, mais de três mil mulheres camponesas dos 15 municípios do Polo da Borborema e de várias regiões que compõem a Articulação do Semiárido Paraibano (ASA Paraíba), o Movimento das Mulheres Trabalhadoras Rurais (MMTR) e o Coletivo Estadual de Mulheres do Campo e da Cidade. Esse vídeo mostra como caminharam pelo centro da cidade para denunciar as desigualdades e a violência contra mulher e reafirmar a luta por direitos e por relações mais justas na agricultura familiar.

Postado em Fotos e Vídeos | dentro de com os temas e as tags , , Comentar

“A cada seca, um aprendizado”: o Dia Mundial da Água e as estratégias de convivência com o semiárido das famílias do Polo da Borborema

Para as famílias agricultoras do semiárido, que atravessaram em 2012 e ainda sentem em 2013 os reflexos da estiagem mais severa dos últimos 30 anos, o dia 22 de março tem um significado a mais: o da valorização das experiências que permitem a convivência nos momentos em que a água é extremamente escassa.

Postado em Notícias | dentro de com os temas e as tags , , 2 Comentários

Dia de São José é lembrado na Paraíba como Dia de Combate ao uso dos Agrotóxicos

O Dia de São José, 19 de março, é tradicionalmente lembrado pelas homenagens ao santo padroeiro dos agricultores e pela crença popular de que a ocorrência de chuva em seu dia é um sinal de que haverá um inverno proveitoso naquele ano. Mas na Paraíba em 2013 a data passa a ser também um dia […]

Postado em Notícias | dentro de com os temas e as tags , Comentar

Camponesas marcham nas ruas de Solânea-PB por Igualdade e pelo Fim da Violência Contra a Mulher

A IV Marcha pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia trouxe para as ruas do município de Solânea, no Brejo Paraibano, mais de três mil mulheres camponesas dos 15 municípios do Polo da Borborema e de várias regiões que compõem a Articulação do Semiárido Paraibano (ASA Paraíba), o Movimento das Mulheres Trabalhadoras Rurais (MMTR) e o Coletivo Estadual de Mulheres do Campo e da Cidade.

Postado em Notícias | dentro de com os temas e as tags , , Comentar

Agricultoras do Polo da Borborema se preparam para a IV Marcha pela vida das Mulheres e pela Agroecologia

Desde o final do ano de 2012, que as agricultoras, agricultores e lideranças do Polo da Borborema vêm se reunindo para preparar a IV Marcha pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia que acontecerá em Solânea, no dia 08 de março.

Mais de 800 mulheres e por volta de 50 homens participaram do processo preparatório. Foram realizadas oficinas de sistematização de experiências, reuniões da coordenação ampliada e executiva do Polo, reuniões da Comissão de Saúde e Alimentação ampliada, reuniões municipais e comunitárias para debater a base da dominação das mulheres e da negação de seus direitos.

Mobilizadas pelo vídeo A vida da Margarida, as mulheres sentem-se encorajadas em partilhar seus testemunhos de vida: “Eu sou uma Margarida!”, “Eu fui uma Margarida!”. A partir de suas histórias, debate-se sobre a histórica desvalorização do trabalho feminino e suas raízes no patriarcado. Questiona-se e critica-se como o modelo patriarcal exclui seu trabalho, poda sua criatividade e violenta seus corpos e mentes. Nessas reuniões, permite com que possam reformular e, sobretudo, construir uma nova ética: é quando a produção para sustento ganha valor, a ajuda torna-se trabalho, e o não-conhecimento consolida-se como uma rede de sabedorias e identidade. Momentos únicos onde “abrem-se portas”, “trocam-se as cartilhas”, “escrevem-se novos livros”, “rompem-se com as amarras”, “questionam-se as leis”. Caminhos perseguidos pelas mulheres para construção de novas relações de poder entre homens e mulheres.

 


Created with flickr slideshow.

 

Postado em Fotos e Vídeos, Notícias | dentro de com os temas e as tags , , , Comentar

Vídeo: A vida de Margarida

Há muitos anos, a AS-PTA – Agricultura Familiar e Agroecologia e o Polo da Borborema buscam denunciar e dar visibilidade pública às desigualdades nas relações de gênero, principalmente no mundo rural, por meio de eventos e mobilizações. As Marchas pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia, realizadas desde 2010, são um exemplo desse empenho. Cada grande mobilização é precedida por um intenso processo de formação e sensibilização das mulheres. Vários foram os instrumentos pedagógicos elaborados para tanto: sistematizações, diagnósticos, audiovisuais, cordel, panfletos, vídeos. Mas foi a produção da peça de teatro A vida de Margarida que causou maior impacto. A peça foi o instrumento pedagógico que mais sensibilizou as famílias, favorecendo e aprofundando o debate sobre questões como a invisibilidade do trabalho da mulher, a ausência de mobilidade social, a falta de poder de decisão sobre o uso do dinheiro, as poucas oportunidades de lazer, as diferentes formas de discriminação e violência, enfim, as diversas facetas e manifestações das relações desiguais no seio da família.

Para permitir que um número cada vez maior de mulheres e homens pudesse refletir sobre essa realidade, o Polo e a AS-PTA adaptaram o roteiro da peça para uma novela e produziram um vídeo.

O vídeo A vida de Margarida retrata um dia comum na rotina de uma família agriculto0ra. Do amanhecer ao anoitecer, as personagens mostram como os papéis hoje desempenhados por homens e mulheres foram socialmente construídos, gerando desigualdades e injustiças. A história é encenada pelo Grupo de Teatro Amador do Polo da Borborema, formado por agricultores, agricultoras, lideranças e técnicos do Polo da Borborema e da AS-PTA.

 

Postado em Fotos e Vídeos | dentro de com os temas e as tags , 8 Comentários