Programa de Agricultura Urbana

O Programa de Agricultura Urbana foi inaugurado em 1999 na zona oeste do município do Rio de Janeiro. Em parceria com grupos informais de agricultores urbanos, agentes de saúde e agentes da Pastoral da Criança, o programa estimula o aproveitamento de pequenos espaços em comunidades dentro da cidade para o cultivo de alimentos, plantas medicinais e criações de animais, sob um enfoque agroecológico. O trabalho é desenvolvido a partir do reconhecimento e da valorização das experiências espontâneas e dos conhecimentos dos moradores, da facilitação do acesso aos conhecimentos técnicos apropriados, do incentivo à experimentação, bem como do apoio a variadas formas de organização local.

Mais recentemente, o Programa inaugura uma nova ação de agricultura periurbana na região metropolitana do Rio de Janeiro: Nova Iguaçu, Queimados, Magé, além da cidade do Rio de Janeiro. Com o objetivo de ampliar as oportunidades de ocupação econômica e de geração de renda de agricultores familiares periurbanos, o programa vem estreitando parcerias locais com Univerde, Coopagé, CPT e a Rede Carioca de Agricultura Urbana. E mantém ainda parcerias com instituições de ensino e pesquisa como a Embrapa, UFRRJ, UFF.

O Programa de Agricultura Urbana atua ativamente no fomento e animação da Articulação de Agroecologia do Rio de Janeiro (AARJ), uma rede de organizações da sociedade civil e órgãos públicos voltada à promoção da agroecologia no estado. Integra a Rede Aguila (Rede Latino-americana de Agricultura Urbana).

Equipe de Agricultura Urbana:

Programa de Agricultura Urbana – urbana@aspta.org.br
Marcio Mattos de Mendonça | Coordenação

Equipe técnica
Claudemar Mattos
Elisa Brazil

Estagiárias
Mariana Portilho
Lais Waeger Delpupo
Thais Souza dos Reis Gonçalves

Voluntários
Mateus Lazarini
Renata Carijó