Revista Agriculturas

Última edição

Cadernos para debate N1 – Dez qualidades da agricultura familiar

Cadernos para debate N1 – Dez qualidades da agricultura familiar

Ao apresentar dez qualidades da agricultura familiar, o autor sintetiza o potencial multifuncional que ela pode desenvolver a fim de contribuir para a superação de significativos dilemas civilizacionais que emergem com a era do antropoceno. Embora amplamente demonstrado ao redor do planeta, esse potencial vem sendo largamente desperdiçado por políticas estatais desenhadas para favorecer a dinâmica expansiva da agricultura patronal. Diante desse contexto, em que as perspectivas e ideologias ligadas ao industrialismo e às economias de escala imperam, a afirmação das virtuosidades inscritas nas dez qualidades da agricultura familiar apresenta-se como enorme desafio teórico e político.

Edições anteriores

V10, N3 – Construção do Conhecimento Agroecológico V10, N2 – Construção Social dos Mercados V10, N1 – Ciência e Poder nos sistemas agroalimentares V9, N3 – Revertendo a desertificação: paisagens revitalizadas pelas comunidades V9, N2 – Semeando Agroecologia nas cidades Número especial – Agroecologia Política na Rio+20 V8, N4 – Acesso à terra e direitos territoriais V8, N3 – Relocalizando os sistemas agroalimentares V8, N2 – As árvores na agricultura V8, N1 – Juventude na construção da agricultura do futuro V3, N4 – Pesquisa em agroecologia: diálogos de saberes no desenvolvimento rural V7, N4 – Ensino da Agroecologia V7, N3 – Água nos agroecossistemas: aproveitando todas as gotas V7, N2 – Financiamento da transição agroecológica V7, N1 – Construção de territórios camponeses V6, N4 – Mulheres construindo a agroecologia V6, N3 – A diversidade do trabalho na agricultura familiar V6, N2 – Integração cultivos-criações V6, N1 – Respostas às mudanças climáticas V5, N4 – Superando a pobreza rural V5, N3 – Manejo sadio dos solos V5, N2 – Equidade e soberania nos mercados V5, N1 – Manejo de organismos espontâneos na agricultura V4, N4 – Saúde pela natureza V4, N3 – Sementes da biodiversidade V4, N2 – Organizações locais na promoção do desenvolvimento V4, N1 – Indo além da substituição de insumos V3, N3 – Caminhos da transição agroecológica V3, N2 – Sistematização: conhecimento que vem das práticas V3, N1 – Das práticas às políticas públicas V2, N4 – Criações de pequenos animais V2, N3 – Gerando riquezas e novos valores V2, N2 – Beneficiamento da produção e acesso a mercados V2, N1 – Infância e juventude no mundo rural V1, N1 – Revalorizando a agrobiodiversidade V1, N0 – Segurança alimentar: a agricultura familiar aponta o caminho